Sempre no lugar certo - Solucionando problemas de foco ótico em Raman portátil
03/12/2014

A Metrohm tem o prazer de apresentar um Boletim de Aplicação que descreve os benefícios do Orbital-Raster-Scan (ORS), uma tecnologia de amostragem ótica disponível no sistema Raman portátil da Metrohm, o Mira.

Conforme demonstrado em experimentos, a tecnologia de amostragem ORS aumenta a reprodutibilidade dos sinais Raman de amostras de APIs (ingredientes farmacêuticos ativos), fornece rápidos resultados e melhora o poder de correlação e também a consistência de novas formulações de medicamentos para a biblioteca de espectros.

Espectrômetros portáteis Raman usam um feixe de laser muito focado para produzir uma grande resolução espectral. Devido ao pequeno tamanho do ponto de medida, eles são capazes apenas de captar uma porção muito pequena da amostra. Isso pode ser um desafio quando se quer identificar formulações heterogêneas, como combinações de excipientes ou APIs. Neste caso, tanto o tamanho de partícula de cada API quanto o foco do laser, sendo muito pequenos, podem tornar as análises demoradas e difíceis.

A tecnologia de amostragem ORS, por outro lado, “amplia” o foco de medida enquanto o laser faz uma varredura da área de superfície, realizando medidas em vários pontos e tirando a média entre eles – uma solução rápida e mais confiável para o desafio acima descrito. Resultados obtidos de experimentos em medicamentos efervescentes para gripe contendo três diferentes APIs demonstram que a espectroscopia Raman aprimorada com a tecnologia ORS e fornece resultados rápidos, precisos e altamente reprodutíveis, mesmo quando formulações farmacêuticas heterogêneas são analisadas.

Downloads